arrow_back

Set Up and Configure a Cloud Environment in Google Cloud: Challenge Lab

Set Up and Configure a Cloud Environment in Google Cloud: Challenge Lab

1 hora 7 créditos

GSP321

Laboratórios autoguiados do Google Cloud

Visão geral

Você precisa fazer uma série de tarefas no tempo estabelecido. Em vez de instruções passo a passo, você receberá um cenário e um conjunto de tarefas, e precisa descobrir por conta própria o que fazer. Um sistema automático de pontuação (mostrado nesta página) avaliará seu desempenho.

Os laboratórios com desafio não ensinam conceitos do Nuvem do Google. Para criar uma solução para o desafio apresentado, use o que você aprendeu nos outros laboratórios desta Quest. Você deverá ampliar o que aprendeu e alterar os valores padrão, mas não aprenderá conceitos novos.

Para receber a pontuação máxima de 100%, termine no tempo definido.

Este laboratório é recomendado apenas para alunos que concluíram os laboratórios da quest Definir e Configurar um Ambiente de Cloud no Google Cloud. Você está pronto para o desafio?

Conhecimentos avaliados:

  • Criar e usar VPCs e sub-redes
  • Criar um cluster do Kubernetes
  • Configurar e iniciar uma implantação e um serviço do Kubernetes
  • Configurar o Stackdriver Monitoring
  • Configurar um papel de IAM para uma conta

Configuração

Antes de clicar no botão Start Lab

Leia estas instruções. Os laboratórios são cronometrados e não podem ser pausados. O timer é iniciado quando você clica em Começar o laboratório e mostra por quanto tempo os recursos do Google Cloud ficarão disponíveis.

Este laboratório prático do Qwiklabs permite que você realize as atividades em um ambiente real de nuvem, não em uma simulação ou demonstração. Você receberá novas credenciais temporárias para fazer login e acessar o Google Cloud durante o laboratório.

O que é necessário

Para fazer este laboratório, você precisa ter:

  • acesso a um navegador de Internet padrão (recomendamos o Chrome);
  • tempo para concluir as atividades.

Observação: não use seu projeto ou sua conta do Google Cloud neste laboratório.

Observação: se estiver usando um dispositivo Chrome OS, abra uma janela anônima para executar o laboratório.

Cenário do desafio

Como você é engenheiro de nuvem da Jooli Inc. e terminou recentemente o treinamento do Google Cloud e do Kubernetes, pediram sua ajuda para configurar o ambiente de uma nova equipe (Griffin). Ela já fez parte do trabalho, mas gostaria que você terminasse a configuração.

Seu conhecimento deve ser suficiente para realizar essas tarefas sem guias passo a passo.

Você deverá realizar as seguintes tarefas:

  • Criar manualmente uma VPC de desenvolvimento com três sub-redes
  • Criar uma VPC de produção com três sub-redes usando a configuração do Deployment Manager disponibilizada
  • Criar um Bastion Host conectado às duas VPCs
  • Criar uma instância de desenvolvimento do Cloud SQL e conectar e preparar o ambiente do WordPress
  • Criar um cluster do Kubernetes na VPC de desenvolvimento para o WordPress
  • Preparar o cluster do Kubernetes para o ambiente do WordPress
  • Criar uma implantação do WordPress usando a configuração disponibilizada
  • Ativar o monitoramento do cluster pelo Stackdriver
  • Conceder acesso a outro engenheiro

Veja algumas normas da Jooli Inc. que você precisa seguir:

  • Crie todos os recursos na região us-east1 e na zona us-east1-b, a menos que haja uma instrução diferente.

  • Use as VPCs do projeto.

  • Os nomes têm o formato equipe-recurso. Por exemplo, o nome de uma instância pode ser kraken-webserver1.

  • Economize recursos. Como os projetos são monitorados, o uso excessivo de recursos pode levar ao encerramento desse projeto (e talvez da sua função). Por isso, tenha cuidado. Esta é a orientação da equipe de monitoramento: a menos que haja uma instrução diferente, use n1-standard-1.

Seu desafio

Você precisa ajudar a equipe com algumas tarefas iniciais de um novo projeto. Ela pretende usar o WordPress e pediu que você configure um ambiente de desenvolvimento. Uma parte do trabalho já foi feita, mas outras requerem os conhecimentos de um especialista como você.

Assim que abrir o novo laptop na sua mesa, você receberá a solicitação a seguir para realizar as tarefas. Boa sorte!

Ambiente

Google Cloud environment, Team Griffin Infrastructure diagram

Tarefa 1. crie a VPC de desenvolvimento manualmente

Crie uma VPC chamada griffin-dev-vpc com as seguintes sub-redes:

  • griffin-dev-wp
    • Bloco de endereços IP: 192.168.16.0/20
  • griffin-dev-mgmt
    • Bloco de endereços IP: 192.168.32.0/20

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie a VPC de desenvolvimento manualmente

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 2. Crie o VPC de produção manualmente

Crie uma VPC chamada griffin-prod-vpc com as seguintes sub-redes:

  • griffin-prod-wp
    • Bloco de endereços IP: 192.168.48.0/20
  • griffin-prod-mgmt
    • Bloco de endereços IP: 192.168.64.0/20

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie o VPC de produção manualmente

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 3. crie um Bastion Host

Crie um Bastion Host com duas interfaces de rede: uma conectada a griffin-dev-mgmt e a outra a griffin-prod-mgmt. Verifique se é possível estabelecer uma conexão SSH com o host.

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie um Bastion Host

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 4: crie e configure a instância do Cloud SQL

Crie uma instância MySQL do Cloud SQL chamada griffin-dev-db em us-east1. Conecte-se à instância e execute os seguintes comandos SQL para preparar o ambiente do WordPress:

CREATE DATABASE wordpress;
CREATE USER "wp_user"@"%" IDENTIFIED BY "stormwind_rules";
GRANT ALL PRIVILEGES ON wordpress.* TO "wp_user"@"%";
FLUSH PRIVILEGES;

Essas instruções SQL criam o banco de dados "wordpress" e um usuário com acesso a ele.

Você usará o nome de usuário e a senha na tarefa 6.

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie e configure uma instância MySQL do Cloud SQL

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 5. crie o cluster do Kubernetes

Crie um cluster com dois nós (n1-standard-4) chamado griffin-dev na sub-rede griffin-dev-wp e na zona us-east1-b.

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie o cluster do Kubernetes

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 6. prepare o cluster do Kubernetes

  1. Use o Cloud Shell e copie todos os arquivos em gs://cloud-training/gsp321/wp-k8s.
  2. O servidor do WordPress precisa acessar o banco de dados MySQL usando o nome de usuário e a senha que você criou na tarefa 4.

  3. Para isso, configure os valores como secrets. O WordPress também precisa armazenar os próprios arquivos de trabalho fora do contêiner. Por isso, é necessário criar um volume.
  4. Adicione os secrets e o volume a seguir ao cluster usando wp-env.yaml.
  5. Configure o nome de usuário como wp_user e a senha como stormwind_rules antes de criar a configuração.
  6. Também será preciso informar a chave de uma conta de serviço que já foi configurada. Essa conta de serviço dá acesso ao banco de dados para um contêiner de sidecar.

  7. Use o comando abaixo para criar a chave e depois a adicione ao ambiente do Kubernetes.
gcloud iam service-accounts keys create key.json \
    --iam-account=cloud-sql-proxy@$GOOGLE_CLOUD_PROJECT.iam.gserviceaccount.com
kubectl create secret generic cloudsql-instance-credentials \
    --from-file key.json

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Prepare o cluster do Kubernetes

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 7. crie uma implantação do WordPress

Agora que você já provisionou o banco de dados MySQL e configurou os secrets e o volume, crie a implantação usando wp-deployment.yaml.

  1. Antes de criar a implantação, é preciso editar o arquivo wp-deployment.yaml.
  2. Substituir YOUR_SQL_INSTANCE pelo nome da conexão da instância de griffin-dev-db.
  3. É possível encontrar o nome da conexão da instância na instância do Cloud SQL.
  4. Após criar a implantação do WordPress, crie o serviço usando o arquivo wp-service.yaml.
  5. Após criar o balanceador de carga, visite o site e verifique se o instalador de site do WordPress aparece. Agora a equipe de desenvolvimento pode terminar a instalação e você pode passar para a próxima tarefa.

WordPress site installer

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Crie uma implantação do WordPress

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 8. ative o monitoramento

Crie uma verificação de tempo de atividade para o site de desenvolvimento do WordPress.

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Ative o monitoramento

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Tarefa 9. conceda acesso a outro engenheiro

Outro engenheiro entrou para a equipe e precisa ter acesso ao projeto. Conceda a ele o papel de editor no projeto.

A segunda conta de usuário do laboratório representa esse engenheiro.

Clique em Verificar meu progresso para conferir o objetivo. Conceda acesso a outro engenheiro

Se uma marca de seleção verde não aparecer, clique em Pontuação no canto superior direito e em Verificar meu progresso na etapa em questão. Você verá uma dica.

Parabéns!

Termine a Quest

Este laboratório autoguiado faz parte da Quest Definir e Configurar um Ambiente de Cloud no Google Cloud do Qwiklabs.

Esta busca de distintivo de habilidade faz parte do programa de aprendizado do Cloud Engineer do Google. Se você já concluiu as outras quests de distintivo de habilidade neste caminho de aprendizagem, pesquise no catálogo por mais de 20 outras quests de distintivo de habilidade nas quais você pode se inscrever.

Faça seu próximo laboratório

Este laboratório também faz parte de uma série de laboratórios chamados Laboratórios com Desafio. Esses laboratórios são projetados para testar seu conhecimento e habilidade do Google Cloud. Pesquise "Laboratório com Desafio” no catálogo do laboratório e desafie-se!

Treinamento e certificação do Google Cloud

...ajuda você a aproveitar as tecnologias do Google Cloud ao máximo. Nossas aulas incluem habilidades técnicas e práticas recomendadas para ajudar você a alcançar rapidamente o nível esperado e continuar sua jornada de aprendizado. Oferecemos treinamentos que vão do nível básico ao avançado, com opções de aulas virtuais, sob demanda e por meio de transmissões ao vivo para que você possa encaixá-las na correria do seu dia a dia. As certificações ajudam você a validar e comprovar suas habilidades e conhecimentos das tecnologias do Google Cloud.

Manual atualizado em 12 de julho de 2022
Laboratório testado em 12 de julho de 2022

Copyright 2020 Google LLC. Todos os direitos reservados. Google e o logotipo do Google são marcas registradas da Google LLC. Todos os outros nomes de produtos e empresas podem ser marcas registradas das respectivas empresas a que estão associados.